Que delícia é mamar!


Mamãe… Colinho de mamãe! Aquele cheirinho de filhote cheirando a leite! Inocente, mamando gostoso na sua mamãe! É lindo!

Mas como é esse comportamento?

O gatinho já começa a mamar logo após o seu nascimento. O leite da mamãe gata auxilia no aquecimento do filhote e fornece energia para o pequenino.

O primeiro reflexo que surge após o nascimento é o de “fuçar”, e  que propicia ao filhote procurar um objeto quente, e o que ele acha é a sua mãe e seus irmãozinhos. Esse primeiro reflexo esta presente até os 11 dias de vida do filhotinho, e só começa a desaparecer com o desenvolvimento da visão e do tato.

O reflexo de “fuçar” é importante para manutenção da temperatura ideal para o filhote.

Outro reflexo presente é o de sucção, esse permite ao filhote retirar o leite da mama, este reflexo permanece até os 23 dias de vida.

É comum os gatinhos preferirem uma tetinha específica, a escolha acontece  até o terceiro dia de vida e as tetinhas posteriores são as preferidas!

Normalmente as posições nos mamilos são mantidas por um mês, e os filhotes  identificam a sua teta através do olfato, um filhote pode até mamar em outra tetinha que não seja a dele, mas apenas até chegar o “proprietário”. Esse comportamento é desenvolvido por 80% dos filhotes e evita brigas e arranhões na ninhada.

A preferência pela tetinha deve ser respeitada também na amamentação artificial. Quando prepararmos as mamadeiras pra os filhotes, o ideal é utilizar sempre o mesmo bico, respeitando o cheirinho dos filhotes. Fazendo isso a tendência é que os bebes mamem mais e ganhem mais peso.

Durante a fase de amamentação o filhote ganha cerca de 7,3 g/dia, assim o seu peso triplica na segunda semana de vida.

O tempo de mamada é de aproximadamente 45 minutos é um momento delicioso em que a mamãe gata vira de ladinho, os filhotes se posicionam em seus lugares e o ronronado é generalizado, um prazer só.

Mas esse tempo da primeira infância tem prazo.

No final da quarta semana os gatinhos já podem ter acesso ao alimento sólido, o que normalmente acontece naturalmente quando os bebes acompanham a mamãe no seu potinho, se a gatinha for caçadora ela começa a trazer presas mortas e se alimentar próximo aos gatinhos.

Mas é normal neste período que além do alimento sólido eles continuem a mamar até a oitava semana de vida e as mamães de ninhadas menores muitas vezes permitem que seus filhotes mamem por meses, já vi gatos de 5 meses mamando em suas mamães… É muita mamata!

Algumas gatas também permitem o retorno de seus filhotes mais velhos quando têm outra ninhada, amamentando assim os pequenos e os grandões!

Mãe é mãe não é verdade!

Sabendo de tudo isso aprendemos com os felinos a importância de respeitar o desenvolvimento dos filhotes, não separando precocemente os filhotes de suas mamães.

Escreva as suas dúvidas neste post. Aqui no Blog Sobre Cães e Gatos você encontra informação e diversão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre o Autor

Vivian dos Santos Meyer

Outros posts de

Site do Autorhttp://www.sobrecaesegatos.com.br

11

01 2012
2012

Seu Comentário