Jardins para cães | Parte 3


Para ter um lindo jardim para você e para o seu cachorro é preciso estar atento às plantas que podem ser potencialmente tóxicas para o nosso amigo.

Confesso que fiquei surpresa com a quantidade de plantas perigosas para os cães e também para as crianças.

E continuando a série Jardins para cães, hoje vamos abordar no último post as plantas mais comuns encontradas em nossos jardins.

Vale a pena ver antes o Jardins para cães| Parte 1 e Jardins para cães| Parte 2.

A primeira na lista é o Comigo Ninguém Pode ( Dieffenbachia picta),  famoso com suas folhas largas e vistosas. Ao ingerir qualquer parte da planta rapidamente a língua, boca e garganta começam a inchar. O cão sentirá muita dor e desconforto, podendo também apresentar diarreia, vômito e cólicas abdominais.

Comigo Ninguém Pode

Essa reação é causada pelo oxalato de cálcio presente na forma de cristais por toda a extensão da planta.

As mesmas reações ocorrem com o Copo de Leite ( Zantendeschia aethiopica), Costela de Adão ( Monstera deliciosa), Espada de São Jorge ( Sansevieria zeylanica ), pois todas possuem a mesma substância tóxica, o oxalato de cálcio.

A Coroa de Cristo (Euphorbia milii) é uma planta que possui uma seiva leitosa que em contato com a pele provoca irritações e coceira se acaso atingir os olhos ela pode causar úlceras de córnea e perda da visão. Além de ter diversos espinhos que podem machucar. Essa plantinha é muito utilizada como cerca e deve ser evitada.

Coroa de Cristo

O Bico de papagaio (Euphorbia pulcherrima) pertence a mesma família da Coroa de Cristo e sua seiva é tão poderosa quanto, se ingerida pode causar problemas intestinais e delírios.

Bico de Papagaio

Flores lindas como as Margaridas (Leucanthemum vulgare ) podem causar irritatação na pele e coceira. A parte tóxica da planta é o caule e as folhas.

As Hortências (Hydrangea macrophylla ) também são tóxicas, mas apenas os botões da flor, se ingeridas causam diarreia e vômito. Neste caso ela só intoxica em uma época do ano, no verão.

As Azaléias (Rhododendron sp)  são potencialmente tóxicas para o coração, afetando o funcionamento cardíaco podendo causar severas arritmias no nosso amiguinho.

Azaléia

E a mais perigosa de todas é a Mamona (Ricinus communis ), realmente esta é uma planta assassina. A parte toxica é a semente, apenas três podem matar uma criança e oito um adulto, para um cão de pequeno porte apenas uma pode fazer muito mal. A culpada por isso é uma proteína chamada ricina, altamente letal.

No caso da ingestão de alguma destas plantas, procure imediatamente um veterinário. De preferência leve a planta ingerida junto para que ele possa identifica-la e agir o mais rápido possível para minimizar os sintomas e reverter o quadro de intoxicação.

Em caso de dúvida você pode entrar em contato com o centro de intoxicação da sua cidade. Encontrei um portal com os telefones nas principais capitais do país e de muitas cidades do interior, vale a pena ter esse link. Clique aqui.

Ter um lindo jardim é possível sim!

E estar atento aos detalhes determinará que o seu cão seja feliz em um lindo jardim e que você possa desfrutar destes momentos com ele.

Coloque aqui no Blog Sobre Cães e Gatos suas opiniões e dúvidas, escreva neste post.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre o Autor

Vivian dos Santos Meyer

Outros posts de

Site do Autorhttp://www.sobrecaesegatos.com.br

24

11 2011
2011

Comments are closed.